Noticias

Musical recorda trajetória de Rogéria e renda será para construção do Mausoléu da artista em Cantagalo

  • PDF

O jornalista Luiz Carlos Lourenço, homenageou a artista transformista Astolfo Barroso Pinto, com o musical 'Um Ano Sem Rogéria', no Teatro Rival, no Rio de Janeiro, no dia 3 de setembro deste ano.

O musical tem direção de Cesar Sepulveda, e teve a participação de um time de amigos e admiradores da cantora: Jane di Castro, Eloina, Camille K, Divina Nubia, Divina Aloma, Karina Duque Estrada, Beth Guilher, Marisa Alfaya, Eliana Pittman, Paula Goodarth, Ellen de Lima, Marcio Gomes, Gottsha, Vitoria Virtus, Leda Lucia, Helcio Hime e Fernando Reski.

Além do show, houve também a exibição de cenas do documentário ‘Divinas Divas’, dirigido por Leandra Leal, que traz cenas da atriz, em sua maioria gravadas no Rival. 

O objetivo do evento não é apenas relembrar Rogéria e seu pioneirismo, é também arrecadar fundos para a construção do mausoléu de Rogéria no município de Cantagalo, cidade onde nasceu e está sepultada.



Adicionar Comentario

40 anos da Firjan Centro-Norte Fluminense

  • PDF

Os 40 anos de atividade da Firjan Centro-Norte Fluminense foram comemorados no dia 30 de agosto com homenagens ao empresário de destaque na região e aos líderes que comandaram a instituição ao longo de quatro décadas. 

O empresário Rogério Faria, da Stam, recebeu a placa Destaque Industrial em cerimônia realizada no Espaço da Moda da Firjan SENAI Friburgo.

A Federação das Indústrias do Estado do Rio de Janeiro nasceu em 1975, fruto de uma fusão da Federação das Indústrias do Estado da Guanabara (FIEGA) com a Federação das Indústrias do Estado do Rio de Janeiro (FIERJ). 

O primeiro escritório fora da cidade do Rio foi então instalado em Niterói, onde ficava a antiga sede da FIERJ. Mas a primeira “Delegacia Regional” – como eram chamados estes escritórios – fora da Região Metropolitana, foi instalada em Nova Friburgo, representando o Centro-Norte do estado.

Presidente da Firjan, Eduardo Eugenio Gouvêa Vieira também parabenizou a atuação do Sindmetal (Sindicato das Indústrias Metalúrgicas, Mecânicas e do Material Elétrico de Nova Friburgo), que este ano completou 50 anos e cuja a história se cruza com a da regional. Naquela época, o presidente do sindicato, Frederico Sichel, se tornou o primeiro líder da federação no Centro-Norte.

“A região essencialmente industrial concentra segmentos de grande representatividade para a economia de nosso estado, como o metal mecânico, têxtil e confecções. E o nosso compromisso é continuar atuando junto a essas empresas, por mais desenvolvimento e oportunidades”, ressaltou Eduardo Eugenio.

O presidente regional, Carlos Eduardo de Lima, celebrou a história da Firjan no Centro-Norte, enfatizando que agora o momento é de olhar para o futuro. 

“Há 40 anos a Firjan vem transformando a história da indústria local e potencializando talentos e vocações. Colaborando para que o espirito empreendedor, que é natural da nossa região se desenvolva. Agora, pensando nos próximos 40 anos, queremos nos reinventar e fazer o melhor pela sociedade”, acrescentou o empresário.



Adicionar Comentario

Padre Yves é o novo ‘administrador paroquial’ da Igreja Católica de Duas Barras

  • PDF

No dia 30 de agosto, na Igreja Matriz de Nossa Senhora da Conceição das Duas Barras do Rio Negro, por determinação do bispo da Diocese de Nova Friburgo dom Edney Gouveia Mattoso, o vigário episcopal do Vicariato Norte padre Fábio Felipe, do Santuário de Cantagalo, presidiu a missa de posse do novo padre da Igreja Católica Duas Barras Yves Barcellos Mozer, que assume a paróquia na condição de ‘Administrador Paroquial’, podendo passar a ser pároco com provisão de seis anos, por determinação do bispo diocesano, somente depois de completar dois anos de sacerdócio.

A cerimônia religiosa contou com a participação especial de um grande número de fiéis e seminaristas que auxiliaram na liturgia, bem como do coral Santa Cecília. Contou ainda com a presença do vigário episcopal e um grande número de sacerdotes dos vicariatos Sede e Norte; seminaristas da Diocese; religiosas; católicos de várias comunidades da região e de Duas Barras. Além de familiares do padre Yves, dentre os quais sua mãe Iraci Barcellos e sua irmã Alcimar Barcellos.

Na homilia, o padre Fábio fala da vida de fé e oração do sacerdote, citando como exemplo padre Stael de Souza com 40 anos de sacerdócio.

Durante o sermão, além de refletir sobre as leituras bíblicas, o vigário episcopal Fábio lembrou ao padre Yves e aos demais fiéis, que não faltará a ele a ‘graça de Deus’ para desempenhar sua missão nesta nova paróquia dedicada à Nossa Senhora da Conceição em Duas Barras; o Senhor vem sempre em nosso auxílio; o que o povo espera de nós sacerdotes é o nosso testemunho de santidade e que sejamos homens de Deus. Ele lembrou ainda que o sacerdote deve estar sempre preparado espiritual, intelectual e humanamente, para vencer os desafios do dia-a-dia, destacando como exemplo a figura do padre Stael no auge dos seus 40 anos de sacerdócio dedicado a Igreja. 

Depois de trabalhar na Paróquia de Santo Antônio do Paquequer, em Campinas 2º Distrito do município de Sumidouro, por dois anos e oito meses, e ter se tornado Diácono em Friburgo, o padre Yves Barcellos Mozer filho de Iraci Barcellos e o do já falecido Arino Mozer, completa um ano e seis meses de sacerdócio, sendo natural da localidade de Esperança, no distrito de Lumiar em Nova Friburgo.

Confirmando ser devoto de Nossa Senhora de Fátima depois de ter sido batizado numa capela a ela dedicada, onde posteriormente fez sua primeira comunhão e depois de ordenado celebrou uma missa, ao se dirigir a todos os católicos bibarrenses e os que não professam a mesma fé, fala de sua alegria em estar em Duas Barras na condição de pastor, que vem trabalhar pelo bem de todos. E confirma, “se perguntarem o que vim fazer aqui, pode responder: vim com um único objetivo de levar a todos os que creem para o céu”, disse. 

Pouco antes do encerramento da missa de posse, ele fez questão de coroar a imagem de Nossa Senhora de Fátima (que fica na casa de sua mãe em Lumiar, que a emprestou para a cerimônia) e em seguida ouviu as palavras de agradecimento da comunidade onde trabalhou e as boas vindas lidas por Sheila Maia em nome dos novos fiéis de Duas Barras. Bem como, as palavras do vigário episcopal que o lembrou que Nossa Senhora estará ao seu lado o apoiando e auxiliando no desempenho de sua missão, para a qual, o bispo dom Edney lhe enviou uma benção especial, ‘esperando que seja profícuo o seu trabalho à frente do seu novo rebanho’.



Adicionar Comentario

Palestra sobre princípios de gerenciamento de terceiro setor

  • PDF

Na tarde do dia 11 de agosto (sábado) de 2018, o curso de graduação Administração Pública do Polo Regional de Itaocara no Centro de Educação Superior a Distância do Estado do Rio de Janeiro – CEDERJ/UAB realizou em sua sede a palestra intitulada “Princípios de Gerenciamento de Terceiro Setor” que faz parte do Projeto de Extensão “Universidade de Portas Abertas”. 

A palestra foi proferida pelo João Luiz Lima Marins, especialista em MBA - Engenharia Econômica e Financeira e teve como público-alvo: Estudantes do Curso de Bacharelado em Administração Pública, Servidores Públicos (Evento aberto também para qualquer interessado com Ensino Médio Concluído) e teve como inscrição para o evento 1 kg de alimento não perecível ou 1 item de higiene pessoal que foi doado para Albergue de Batatal de Itaocara.

O Consórcio CECIERJ é formado por algumas das melhores universidades públicas, como UNIRIO, CEFET/RJ, UENF, UERJ, UFF, UFRJ e UFRRJ, o Polo Regional de Itaocara oferece os cursos de Matemática (UFF), Tecnologia da Computação (UFF), Administração Pública (UFF), Pedagogia (UNIRIO), Biologia (UENF) e Química (UENF) e está sobre a direção do professor Anselmo Biasse. 

Atualmente com aproximadamente 650 alunos estão matriculados no Polo Regional de Itaocara/RJ do CEDERJ/UAB. O horário de funcionamento é de terça a sexta-feira, das 13h às 22h e aos sábados das 8h às 17h. Está localizado à Rua Nilo Peçanha, nº 471, Centro e os telefones para maiores esclarecimentos são (22) 3861-2937 e (22) 3861-4844.



Adicionar Comentario

Secretaria de Defesa Civil de Cantagalo investe na manutenção de pluviômetros e aquisição de Estação Meteorológica Digital

  • PDF

A Secretaria Municipal de Defesa Civil e Trânsito de Cantagalo, está realizando a manutenção dos equipamentos (pluviômetros) que registram a quantidade de chuva no município. Atualmente em no município existem sete equipamentos do tipo manual em funcionamento, contemplando todos os distritos, a ainda mais cinco equipamentos digitais, também localizados em todos os distritos com a transmissão de dados via satélite.

A medição é realizada diariamente e os dados são todos repassados a Defesa Civil, que mantem um banco de dados de todas as informações coletadas. Os dados recebidos são analisados e servem também como base para a emissão de avisos de alerta e alarme para as comunidades em áreas de risco, com elevados índices pluviométricos.

Uma das principais fontes de água, fundamental à vida animal e vegetal, tem como origem a chuva. No entanto, a chuva é um fenômeno climático e suas principais características são a sua quantidade e intensidade, cujos valores variam ao longo de um período de tempo (ano, mês, dias) nas diferentes localidades. O conhecimento preciso destas características principais é essencial para o planejamento e a avaliação eficaz dos fenômenos provocados pela chuva.

O volume de um líquido é medido em litros ou em metros cúbicos, mas os registros de precipitação pluvial (de água de chuva) são medidos habitualmente em “milímetros”. Esta é a unidade à qual os institutos meteorológicos se referem, para divulgar os seus diagnósticos de chuva na mídia. Em princípio, o índice pluviométrico refere-se à quantidade de chuva por metro quadrado em determinado local e em determinado período.

A secretaria de Defesa Civil de Cantagalo também está adquirindo uma Estação Meteorológica Digital, visando a otimização e a modernização da coleta de dados, bem como aprimorar a utilização dos dados para a previsão do tempo e para a caracterização do clima.

Uma estação meteorológica é um conjunto de instrumentos ou sensores que recolhem dados para análise do tempo meteorológico. Esses instrumentos/sensores são capazes de registrar a temperatura do ar, velocidade e direção do vento, umidade do ar, radiação solar, chuva, pressão atmosférica entre outras variáveis.



Adicionar Comentario

Pgina 8 de 387





Área exclusiva - Login

Notícias completas e versão digital exclusivas para assinantes

Informativo JR

Cadastre-se e fique bem informado