Geral

Museu ferroviário em Euclidelândia

  • PDF

A estrada de ferro teve no passado uma importância muito grande na região, principalmente no escoamento da produção de café e também no transporte de passageiros.

Desde 1968, quando foi desativado a estrada de ferro na região, em algumas cidades ainda existem prédios que registram esta época histórica. 

Um dos prédios, que ainda não foi derrubada, em nome do progresso, é a Estação Ferroviária de Euclidelândia, localizado no distrito de Cantagalo, que foi inaugurado em 1.878.

Agora um projeto na Câmara Municipal, de autoria do vereador João Bosco de Paula Bon Cardoso, sugere que o Poder Executivo adotem medidas cabíveis, no sentido de instalar na antiga Estação Ferroviária de Euclidelândia, depois de restaurada, um espaço de cultura e da historia local, compreendendo o “Museu Ferroviário do Município” e o “Espaço de Memória das Personalidades de Euclidelândia”

“Trabalho em Euclidelândia há 32 anos, e ouço as promessas de restauração e transformação do espaço em equipamento cultural há mais de uma década. Mas agora temos condições efetivas para que isso aconteça. O projeto de restauração já está pronto e foi enviado para aprovação. Os recursos já estão previstos. Só não sairão se a verba for contingenciada pelo governo federal”, garante João Bosco.



Adicionar Comentario

Formação do Sebrae para Ensino Médio Empreendedor

  • PDF

No dia 11 de maio estiveram presentes no Colégio Estadual Chequer Jorge, em Itaperuna, as formadoras Rita Cruz e Liliane Alves do Núcleo de Formação Tecnologia Estudos e Formação, juntamente com os coordenadores de Avaliação da Diretoria Regional Serrana II – Maxison Ferreira e Noroeste – José Luís para mais uma formação do Módulo II do Ensino Médio Integral com Ênfase em Empreendedorismo Aplicado ao Mundo do Trabalho, uma parceria do Governo do Estado do Rio de Janeiro com o Sebrae. 

Durante a formação, que contou com a presença da coach do Sebrae Conceição, os professores que ministram a disciplina Empreendedorismo  participaram de oficinas que os ajudarão em suas práticas pedagógicas em sala de aula. Em nossa região o Ensino Médio Empreendedor  atende aos alunos do CIEP 274 do município de São Sebastião do Alto e CIEP 280 do município do Carmo.



Adicionar Comentario

Prefeituras recebem caminhões para programas de coleta seletiva

  • PDF

Boas práticas ambientais e atendimento aos requisitos legais e técnicos foram fatores determinantes para o Instituto Estadual do Ambiente (Inea), através do programa socioambiental Ambiente Solidário contemplar municípios fluminenses que receberam nesta semana caminhões adaptados para a coleta de lixo reciclável. 

Os municípios contemplados foram: Itaperuna, Miracema, Itaocara, Cantagalo, Carmo, São Sebastião do Alto, Quissamã, Trajano de Moraes e São João da Barra. As solenidades de entrega foram realizadas nos dias 18 e 19 de maio.

O deputado estadual Andre Corrêa, ex-secretário de Estado do Ambiente, acompanhou as entregas, juntamente do ex-coordenador estadual do Programa Limpa Rio, Luiz Antônio.

Na avaliação do deputado André Corrêa, os caminhões irão melhorar e potencializar a coleta seletiva nos municípios. “O material reciclável que vai parar no aterro sanitário, diminui a vida útil do aterro e ainda representa um desperdício. Estamos jogando dinheiro fora. Agora, com esses veículos surge a oportunidade de gerar trabalho e renda para moradores do município”, enfatizou o deputado.

Os veículos zero quilômetro, um para cada município, foram doados serão usados exclusivamente para a coleta seletiva, fortalecendo as cooperativas de reciclagem na região e reduzindo a quantidade de lixo destinado aos aterros. 

Em Cantagalo, a entrega do veículo ocorreu na sede da prefeitura e as chaves foram entregues ao prefeito Guga de Paula pelo coordenador do programa Ambiente Solidário, Ricardo Alves. “Com os novos caminhões, as prefeituras vão ter um grande instrumento para a coleta seletiva, aumentando assim o volume de material reciclado e a geração de renda local. Às vezes, a pessoa separa o lixo orgânico do reciclável, mas não tem como entregar”, enfatizou Ricardo Alves.

Em Trajano de Moraes, a chave do veículo foi entregue ao prefeito Rodrigo Viana, ao vice-prefeito Jorge Diniz e ao secretário municipal do Meio Ambiente Murilo Portugal, pelo superintendente do INEA, Luiz Fernando Guida. “O município, para receber esse caminhão tem que estar com a ficha limpa”, disse o superintendente, destacando a responsabilidade administrativa dos prefeitos dos municípios beneficiados, ao ressaltar o atendimento aos critérios técnicos e legais, e práticas ambientais adequadas”, enfatizou.   

O prefeito Rodrigo Viana disse que a aquisição do caminhão chegou num momento oportuno e será importante para reforçar a implantação do programa municipal de Coleta Seletiva Solidária, elaborado pelos funcionários da Secretaria Municipal do Meio Ambiente, já previsto para ser implantado no segundo semestre. “Quero agradecer ao amigo Fernando Guida e principalmente ao deputado estadual André Corrêa e ao Luiz Antonio por estarem sempre ajudando nossa cidade. Trajano de Moraes sempre será grato a vocês”, disse Rodrigo Viana.

Carmo recebeu o seu caminhão, com as chaves sendo entregues ao prefeito Cesar Ladeira e ao vice-prefeito Romão. O vereador Romerito representou a Câmara Municipal.

Em Itaocara, a cerimônia de entrega ocorreu na própria prefeitura, com a presença do prefeito Manoel Faria e o vice Roberinho Arêas. 

O município de São Sebastião do Alto recebeu o seu caminhão, sendo representado pelo prefeito Tavinho, na sede da prefeitura.

O Programa Ambiente Solidário da Secretaria de Estado do Ambiente, mantido pelo Instituto Estadual do Ambiente (Inea), tem como objetivos a defesa ambiental, a geração de trabalho e renda e a promoção da parcerias entre os agentes públicos, terceiro setor, empresas e entidades representativas.

O Programa tem como pilares a defesa ambiental, a geração de trabalho e renda e a promoção da parceria entre os agentes públicos, terceiro setor, empresas e entidades representativas dos segmentos. Visa fortalecer e implantar os Planos Nacional e Estadual de Resíduos Sólidos no território do estado do Rio de Janeiro. O Programa está sob a responsabilidade da Superintendência de Gestão de Resíduos Sólidos, da Secretaria de Estado do Ambiente.

Engloba três projetos que estão correlacionados e tratam da gestão de resíduos sólidos e da logística reversa: Projeto Catadores e Catadoras em Redes Solidárias (CRS), Programa de Reaproveitamento de Óleos Vegetais (PROVE), Caravanas Ambientais e Logística Reversa.



Adicionar Comentario

Karina Souza conquista o título de Garota Macuco 2018

  • PDF




Num desfile badalado, acirrado e bem organizado, na noite de sábado, (27), na Praça Professor João Brasil, a beleza negra e a desenvoltura de Karina da Silva Souza conquistaram o Corpo de Jurados e o gosto popular, fazendo a platéia literalmente ovacionar a jovem de 20 anos, com 1,76 de altura e 55 quilos, que passa a ser a legítima representante do município ao vencer o Concurso Garota Macuco 2018. 

O evento foi organizado pelo diretor do departamento municipal de turismo Maurício Góes e equipe. A comissão julgadora foi composta por profissionais ligados às áreas de moda e beleza.

Karina Souza recebeu de Paloma Barreto, Garota Macuco 2017, a faixa pela merecida conquista, tudo sob intensos aplausos dos expectadores.

Em segundo lugar ficou Letícia Biscácio (216 pontos); em terceiro Beatriz da Conceição (201 pontos).

Presente ao desfile ao lado da primeira dama, Andréia Boaretto, coube ao prefeito Bruno Boaretto  entregar a premiação à Garota Macuco 2018, a quem caberá o reinado de um ano, representando o município nos mais diversos concursos de beleza, em especial nas exposições agropecuárias realizadas no interior do Estado do Rio de Janeiro.



Adicionar Comentario

Fevest 2018 apresenta o conceito lingerie joia e as macrotendências

  • PDF

A Fevest – Feira de Moda Íntima, Praia, Fitness e Matéria-prima - chega a sua 28ª edição. Entre os dias 4 e 8 de julho, no Country Clube, em Nova Friburgo, na Região Serrana do Estado do Rio de Janeiro, serão apresentados os lançamentos do Polo de Nova Friburgo e Região para a temporada primavera/verão 2018/2019.

Empresários, compradores, fornecedores, entidades ligadas à cadeia têxtil e influenciadores estão convidados a visitar a feira nos dias 04, 05 e 06/07, das 13h às 20h, e em 07 e 08/07, das 10h às 20h. Nos dois últimos dias, o evento será aberto ao público, que poderá conferir e comprar direto das marcas.

Este ano, quando a cidade comemora o seu bicentenário, a feira terá como conceitos principais a ‘lingerie joia’, sustentabilidade e as macrotendências. Além disso, o público da Fevest encontrará tecidos tecnológicos com estampas modernas, e peças de sustentação com formas sensuais, em cores e modelagens diferenciadas. Outros destaques serão as peças com tecidos luxuosos, rendas e malharias. 




A Fevest é reconhecida por compradores nacionais e do exterior como referência de feira de negócios em lançamentos para todo o mercado têxtil. Um dos destaques deste ano, com certeza será o conceito ‘lingerie joia’, que desde o ano anterior vem sendo trabalhado pelos confeccionistas de Nova Friburgo e região. Em 2017, um dos grandes destaques, por exemplo, foi a 'peça conceito', estimada em R$12 mil, apresentada no desfile de abertura e exposta na feira. A peça foi produzida com 3m de cordão em ouro branco, 152 brilhantes, renda guipir e microfibra de poliamida com elastano.

O conceito ‘lingerie joia’ deve-se ao resultado do Programa de Apoio à Competitividade das Micro e Pequenas Indústrias, o Procompi, lançado no ano passado. Nele, empresas do Polo de Moda Íntima de Nova Friburgo e de Joias e Bijuterias do Rio de Janeiro desenvolveram projetos conjuntos por meio de parcerias e capacitações. A iniciativa da Confederação Nacional da Indústria (CNI) e do Sebrae é coordenada pela Firjan.

De acordo com Marcelo Porto, presidente do Sindicato das Indústrias do Vestuário de Nova Friburgo e Região/RJ – Sindvest, realizador do evento, a expectativa é receber um público 10% acima do número de participantes em 2017. A Fevest contará com estandes de confeccionistas e fornecedores, em uma área total de 12 mil m², onde haverá um espaço para a gastronomia local, além de muito entretenimento.

Segundo o balanço do sindicato, a produção friburguense representa parcela significativa no setor de moda íntima, praia e fitness, representadas por centenas de marcas. Na edição anterior, a feira recebeu visitantes de 24 estados brasileiros e de 120 cidades, além de países como Estados Unidos, Rússia, Itália, Peru, Angola, Portugal, França, Porto Rico, Bolívia e Chile.

O Polo de Moda Íntima de Nova Friburgo e Região conta com 1.324 indústrias que produzem moda íntima, fitness, linha praia e noite, e cerca de 160 lojas do ramo, sendo a maior parte concentrada nos bairros de Olaria, Conselheiro Paulino e Ponte da Saudade. Confecções de pequeno, médio e grande portes estão também localizadas em outros bairros da cidade e pelos municípios que ficam em seu entorno. O preço médio das peças varia de R$12 a R$300.

No segmento de moda, o Polo é responsável por mais de 25% da produção do mercado brasileiro (aproximadamente, 114 milhões de peças por ano). Há alguns anos, Nova Friburgo é reconhecida como a Capital Brasileira da Moda Íntima, referência no setor por representar o desenvolvimento industrial da pequena e média empresa no Brasil.

Segundo dados do Sindvest, o setor contratou mais do que demitiu no primeiro trimestre de 2018; a indústria da moda íntima emprega de maneira formal e informal cerca de 20 mil pessoas, através das confecções e lojas (10 mil diretos e 10 mil indiretos). Entre os profissionais que atuam neste mercado estão: auxiliar, costureira, cortador, supervisor, modelista, estilista, além de setores Administrativo, Comercial, Serviços Gerais, entre outros. Para a realização da Fevest são envolvidos cerca de 60 segmentos, e aproximadamente, 3 mil empregos (diretos e indiretos).

A Fevest - Feira de Moda Íntima, Praia, Fitness e Matéria-prima - é uma realização do Sindvest (Sindicato das Indústrias do Vestuário de Nova Friburgo e Região), promoção do Sistema Firjan e Sebrae, apoio do Conselho da Moda, Prefeitura de Nova Friburgo, Nova Friburgo Country Clube, e organização da Teia de Eventos.   



FEVEST FESTIVAL 2018 – Feira Brasileira de Moda Íntima, Praia, Fitness e Matéria-prima 
Data: De 04 a 08 de julho de 2018
Horário: Das 13h às 20h. Nos dias 07 e 08, sábado e domingo, das 10h às 20h.
Local: Nova Friburgo Country Clube
Endereço: Av. Conselheiro Julius Arp, 140 – Nova Friburgo – RJ

Adicionar Comentario

Programa "Cantagalo Compra de Cantagalo" é destaque nacional em seminário na Bahia

  • PDF



Realizado na cidade de Teixeira de Freitas - BA, o 1º Seminário de Desenvolvimento Sustentável rumo a 2030 deu início na tarde da quarta-feira (9) e o término na sexta-feira (11). Trata-se de um evento para discutir a temática do desenvolvimento regional trazendo uma série de possibilidades de transformar realidades positivamente nas áreas marcadas por agudos índices de pobreza e falta de investimento privado e público, sobretudo em setores essenciais, como saúde pública, educação, infraestrutura e meio ambiente, sendo que o esforço deve-se pautar pela gestão horizontalizada, integrando políticas de natureza diversificada.

O secretário de fazenda do município de Cantagalo, Jorge Braz Cardoso Ferreira, foi convidado pela Câmara Municipal de Teixeira de Freitas, órgão que realizou o evento, e também pelo Sebrae do estado da Bahia, a ministrar uma palestra apresentado o estudo de caso do Programa "Cantagalo Compra de Cantagalo". O Programa teve início em junho de 2017, e vem sendo realizado com a intenção de potencializar o desenvolvimento das pequenas empresas locais através do uso do poder de compras da Prefeitura, já que o município vem aplicando todos os benefícios previstos na Lei Geral, no que diz respeito as Compras Governamentais desde 2006.

Durante sua Palestra o Secretário Jorge Braz teve a oportunidade de apresentar as ações adotadas pelo programa até o momento. Dentre as ações destacam-se a adoção de legislação atualizada para compras governamentais, decretos beneficiando o comércio local e a agricultura familiar, a ampla divulgação das compras públicas municipais e os destaques nacionais que o programa tem obtido ao longo deste período.

"A relevância da participação de Cantagalo representa que os gestores, as cidade, e as pessoas tem que estar antenados pro desenvolvimento nacional com uma visão ampliada de administração pública, uma visão totalmente inovadora para o novo processo político. Temos que dar valor a tudo aquilo que existe , aquilo que a gente tem como inovação na administração, pensar a cidade de forma ampliada, e olhar no entorno o que esta acontecendo de bom na região no estado no país que pode ser aplicado a nossa cidade", disse o secretário Jorge Braz sobre os efeitos de sua palestra o secretário reforça o impacto gerado pela apresentação do Programa e o que esta participação reflete de positivo para Teixeira de Freitas e para Cantagalo.

"Me senti muito honrado em levar esta experiência do 'Cantagalo Compra de Cantagalo' para eles e aprendi com eles esta lição: a gente tem que sim fazer uma administração publica nova olhando pro entorno e olhando pro que esta dando certo porque maus exemplos a gente tem a todo momento mas bons exemplos são poucos. Eles souberam aproveitar o nosso exemplo e nós podemos contribuir para o avanço e desenvolvimento deles. Desta forma também saímos com a experiência de ter essa preocupação de pensar como eles estão pensando. Uma cidade nova de apenas 33 anos mas que esta ligada a tudo que esta acontecendo de bom a nível nacional e planejando para daqui a 12 anos, já que o seminário visa que em 2030 eles possam estar no mesmo patamar das cidades melhor desenvolvidas do Brasil, esta é uma grande experiência."

Estiveram presentes ao evento o prefeito Temóteo Brito, o coordenador regional do Sebrae, Alex da Silva Brito, o presidente da Câmara Municipal de Teixeira de Freitas, vereador Agnaldo Teixeira Barbosa, o “Agnaldo da Saúde”, o juiz Roney Moreira, o bispo diocesano Jailton de Oliveira Lino, representantes de entidades, vereadores, secretários, servidores públicos e comunidade.



Adicionar Comentario

Caminhoneiros querem redução do preço dos combustíveis

  • PDF

A greve dos caminhoneiros está provocando uma verdadeira revolução no pais. O grupo pede a redução do preço dos combustíveis.

Na região, além da RJ-116, há vários outros protestos dos caminhoneiros em todo o Brasil. Em algumas cidades, a greve dos caminhoneiros afeta o abastecimento de combustível. A categoria reivindica a redução do preço dos combustíveis.

As três fábricas de cimento em Cantagalo (Votorantim, CRH e LafargeHolcim) especula-se que deixaram de expedir em torno de 300 caminhões de cimento por dia, desde a última terça feira, dia 22 de maio.

A paralisação nacional dos caminhoneiros já começou a afetar o transporte municipal de passageiros, abastecimento de alimentos e combustível e coleta de lixo, em Nova Friburgo. 

Passageiros enfrentaram pontos de ônibus lotados e atrasos nas linhas, cujas viagens foram reduzidas, no dia anterior pela Faol, devido a falta de combustível suficiente para o transporte. A concessionária informou que vai operar com os horários de sábado até a regularização da situação.

Os grevistas também estão impedindo que caminhões que transportam alimentos e combustível saíam de transportadoras e sigam seus destinos. Veículos que iam para a Ceasa, em Conquista, estão parados na RJ-130.

Com fogo em pneus, caminhoneiros pararam o trânsito para veículos pesados na RJ-116, principal rodovia que liga a Região Serrana ao Noroeste Fluminense. O protesto foi realizado em frente a um posto de combustíveis, na altura do quilômetro 176, em Ibipeba, distrito de São Sebastião do Alto.

Em Ponto de Pergunta, os manifestantes iniciaram o ato em frente à Ceasa. Veículos pequenos, como carros e motos, além de ônibus, trafegam normalmente pela RJ-192.

Em Cantagalo, os postos de combustíveis, tiveram filas.

Os postos do Parque das Árvores, do Centro e do Bairro Triângulo tiveram engarrafamento para o abastecimento de veículos e motocicletas, e já não tem mais combustível.

Devido aos bloqueios de carretas nas estradas em todo Brasil, o Governo do Estado e a Cedae estão em contato com os fornecedores de produtos químicos e órgãos competentes a fim de evitar que haja atrasos e interrupção no fornecimento dos mesmos e, dessa forma, visa garantir o tratamento de água nas estações operadas pela Companhia.

A Cedae permanecerá agindo para que suas atividades de produção continuem sem interrupção, no entanto, pede à população que economize água até que seja restabelecida a normalidade na entrega dos produtos químicos necessários e fundamentais ao tratamento.

A empresa que faz o transporte no município de Cantagalo e Cordeiro, a empresa Expresso Pinto & Palma disse que “em virtude da greve nacional dos caminhoneiros, o abastecimento de óleo diesel está suspenso por parte das refinarias e, com isso alguns horários de linhas de ônibus estão sendo alterados.

Existem falta de combustíveis em postos de Bom Jardim, Carmo, Nova Friburgo e Duas Barras. A situação é igual em Macuco e Cordeiro, onde os veículos formaram filas nos últimos dias.

Em São Sebastião do Alto a falta de combustível levou a prefeitura a suspender o transporte para estudantes. As aulas na rede municipal de ensino também foram suspensas.

O Sindicato do Comércio Varejista de Combustíveis do Rio confirmou que falta gasolina em postos da capital também. 

O fornecimento de combustíveis está prejudicado desde as 10 horas do dia 21/05, por conta da paralisação dos caminhoneiros.

As Cooperativas Agropecuárias de Macuco e Duas Barras já emitiram nota a seus cooperados e clientes, que mediante a crise, serão prejudicados o recolhimento do leite nas propriedades, e a distribuição nos mercados.



Adicionar Comentario

Jovens de Nova Friburgo vencem desafio de inovação do SENAI

  • PDF

Chegou ao fim nesta semana a fase Pré-Acelera do segundo ciclo do Desafio SENAI + Indústria. Quatorze projetos de todo o estado, desenvolvidos para solucionar problemas reais do setor produtivo, foram apresentados no evento Demoday, na sede da FIRJAN, no Rio de Janeiro. 

Na ocasião, duas equipes de Nova Friburgo foram declaradas as vencedoras. Elas foram selecionadas para passarem dois meses na Incubadora OITO, da Oi, e convidadas a apresentarem suas ideias no desafio de startups do evento Startup Insight & Connection (SIC), que será realizado em 4 de junho, no Museu do Amanhã.

Um dos projetos escolhidos foi o BowArc, uma máquina capaz de semi-automatizar o processo de introdução do arco no viés do sutiã com bojo, utilizando um pistão pneumático. “Ganhar o reconhecimento da nossa ideia nos motiva a continuar. Vamos trabalhar intensamente para que nosso produto seja aprimorado e chegue ao mercado”, disse Gabriel Moreira, estudante do SENAI Nova Friburgo. De acordo com ele, algumas empresas interessadas já entraram em contato com o grupo. 

A segunda equipe premiada foi a que desenvolveu a máquina semiautomática DERI, que realiza a dobragem, embalagem e contagem na produção da roupa íntima, substituindo um processo manual e lento. O ganho pode chegar em 240% de produtividade. “Estamos no caminho certo de conseguir abrir nossa própria empresa e vender ou alugar nosso equipamento”, destacou Luiz Fernando, também aluno do SENAI Nova Friburgo.

Carlos Junior, fundador da Sai do Papel, idealizadora do SIC e aceleradora parceira da FIRJAN, ressalta que a presença desses dois projetos com potencial de ganharem o mercado será importante no evento. “Teremos investidores e empreendedores presentes no dia, que poderão apoiar esses jovens”, ponderou.

Para Bernardo Estefan, gerente de Desenvolvimento de Alianças do OITO, passar 60 dias na incubadora ajudará os estudantes a ampliarem seu networking e conhecimentos: “O SENAI é uma rede muito qualificada e, juntos, temos que fomentar a inovação para dinamizar nosso estado”.

O objetivo do Desafio SENAI + Indústria – Fase Pré-Acelera é capacitar estudantes para estarem aptos a validar ideia no mercado e desenvolverem um produto mínimo viável. De 166 projetos inscritos, 14 foram selecionados para participarem desta fase.

Workshops e palestras foram realizados para complementar o aprendizado dos alunos e ajudá-los a estruturar suas ideias, além de treinamento para exposição final dos produtos prototipados. Os estudantes se dedicaram por quatro meses nos espaços de coworking das unidades SENAI e dos FabLabs.

“Atuamos como protagonistas da transformação, qualificando profissionais capazes de atuar na indústria de hoje e na do futuro. Além de criar oportunidades para nossos jovens, ainda ajudamos a melhorar o ambiente de negócios do estado do Rio”, observou Alexandre dos Reis, superintendente do SESI e diretor regional do SENAI.



Adicionar Comentario

Pgina 4 de 403

Área exclusiva - Login

Notícias completas e versão digital exclusivas para assinantes

Informativo JR

Cadastre-se e fique bem informado