Geral

Pássaro tietê-de-coroa, que está desaparecido há mais de 20 anos, pode ter reaparecido na região

  • PDF
O tietê-de-coroa, nome popular da espécie Calyptura cristata, é uma ave de pequeno porte com plumagem verde e uma crista margeada de preto, que, de acordo com um grupo de pesquisadores do Instituto Butantan - Observatório de Aves, não é registrada há 20 anos. A espécie é considerada uma das mais raras do mundo. A dificuldade para encontrá-la está relacionada à extensa perda e fragmentação de seu habitat.

O último registro do tietê-de-coroa ocorreu em 27 de outubro de 1996, quando dois indivíduos foram encontrados pelo biólogo Ricardo Parrini e um grupo do Clube de Observadores de Aves  em uma região conhecida como Garrafão, em Teresópolis.

Segundo a pesquisadora do Instituto Butantan e coordenadora do Observatório de Aves, Erika Hingst-Zaher, “a Expedição Calyptura está sendo conduzida na região de Duas Barras. Muitos acreditam que a Calyptura cristata esteja extinta e estamos dedicando esforços para procurá-la na área mais provável em que poderia ainda sobreviver na natureza”.

– O Brasil está entre os países com a maior riqueza de espécies do planeta. No entanto, esse patrimônio natural não vem sendo cuidado. O país é o líder mundial em aves ameaçadas de extinção, com 164 espécies, e 23 criticamente ameaçadas – disse Luciano Lima, ornitólogo do Observatório de Aves e idealizador do projeto de busca do tietê-de-coroa.

O roteiro de busca é baseado em duas expedições de 12 dias, sendo uma no ano passado e outra no primeiro semestre de 2017. A ideia é fazer em diferentes estações do ano para aumentar as possibilidades de encontrar a ave.



Adicionar Comentario

Martinho da Vila volta a estudar, fazendo faculdade de Relações Internacionais

  • PDF
Devagar, devagarinho, Martinho da Vila vai chegando lá. Cantor, compositor, poeta e escritor, o músico, de 79 anos, mostra que nunca é tarde para aprender e voltou às salas de aula. Ele é aluno do quinto período do curso de Relações Internacionais de uma universidade particular na Barra da Tijuca, na Zona Oeste do Rio.

Bastante aplicado, Martinho da Vila se destaca nas aulas por ser extremamente inteligente e dedicado. Esse é o primeiro curso universitário do cantor, que é autor de 14 livros com temas que variam sobre Brasil, política, samba e escravidão.

Procurado pelo jornal EXTRA, o sambista contou que escolheu o curso de Relações Internacionais por causa do seu trabalho como embaixador da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLT).

– Já pratico relações internacionais há muito tempo, mas eu queria pegar um pouco de conhecimento mais teórico”, explica. “Na faculdade, eu sou um aluno de conhecimento, um ouvinte. Faço os trabalhos que todos fazem, cumpro uma carga horária, mantenho a frequência nas aulas, mas não preciso fazer prova”, conta.

Ele releva ainda que sua atitude de voltar a estudar tem servido de exemplo para muita gente retornar às salas de aula.
– Várias pessoas de uma certa idade, até de 50 anos, que tinham vontade de fazer um curso superior, mas que não tinham muita coragem, chegam e falam que foram incentivados por mim a estudar. E isso é bacana. Conhecimento nunca é demais – completa o cantor, que nasceu em Duas Barras, onde mantém um museu em sua homenagem e está sempre presente.


Adicionar Comentario

Alunos do SENAI vão buscar soluções inovadoras para problemas reais da indústria fluminense

  • PDF

Empresas do estado do Rio podem cadastrar, até 17/03, problemas que afetem o dia a dia de seus negócios no “Desafio SENAI + Indústria”. Por meio do programa, lançado em 2016, alunos do SENAI vão pensar e desenvolver soluções inovadoras para gargalos reais da indústria.

 

A ideia é que os estudantes testem seus conhecimentos, entrem em contato com a realidade das empresas e se preparem ainda mais para o mercado de trabalho. Ao mesmo tempo, as empresas poderão usufruir de uma inovação com o potencial para beneficiar a indústria, além de ajudarem a formar profissionais ainda mais completos.

 

As empresas interessadas podem cadastrar seus problemas no www.cursosenairio.com.br/desafiosenai, onde estão disponíveis o regulamento e também exemplos de projetos já pensados para a indústria. Se o desafio for selecionado, um grupo de alunos do SENAI vai desenvolver uma proposta de solução.

 

Durante o trabalho, os estudantes vão visitar a empresa para tirar dúvidas e aperfeiçoar seu projeto, com o objetivo de, ao final, terem protótipos fiéis às necessidades da indústria. Alunos de todas as escolas do estado participam do programa.

 

Segunda fase – Depois de prontos, os projetos serão selecionados para participar de exposições nas unidades SENAI, em setembro. Aqueles que tiverem potencial de inovação poderão, ainda, ser selecionados para a segunda fase do Desafio. Nesta etapa, o objetivo será transformar os projetos em planos reais de negócios para que, ao final do programa, eles sejam apresentados a potenciais investidores do mercado.




Adicionar Comentario

Carreta tomba sobre carro em Sapucaia e mata cinco pessoas de uma mesma família de Cordeiro

  • PDF
Uma tragédia que chocou toda região. Um grave acidente deixou cinco pessoas mortas de uma mesma família na manhã de sábado passado, 11 de março, no trecho da BR-116 (Rodovia Rio-Teresópolis), em Sapucaia, no Médio Paraíba. 

De acordo com a Polícia Rodoviária Federal (PRF), uma carreta bitrem, transportando óleo preto descartável, tombou em cima de um carro de passeio na altura do km 29 e explodiu. A carreta seguia no sentido Além Paraíba (MG) quando o motorista perdeu o controle da direção. Os cinco ocupantes do carro morreram carbonizados.

Os corpos foram levados para o Instituto Médico Legal de Três Rios, cidade vizinha. O motorista da carreta não ficou ferido. Ele foi levado para a 109ª Delegacia de Polícia (Sapucaia) para prestar depoimento.

O trânsito chegou a ficar em sistema siga e pare para limpeza da via e retirada dos veículos. Por volta de 16 horas, os dois sentidos da pista já tinham sido liberados.

O acidente aconteceu por volta das 7h30min. Equipes da concessionária CRT foram acionadas, mas, quando chegaram ao local, a carreta estava em chamas. Em contato com o motorista da carreta, os resgatistas foram informados que, em meio às chamas, havia um veículo que foi atingido pela carreta “bitrem” e que só conseguiu parar o “cavalo” em um barranco a cerca de cem metros de distância do fogo.

O motorista informou que estava seguindo sentido Além Paraíba, quando, próximo ao quebra-molas, não conseguiu parar a carreta. Para não bater na traseira de uma outra carreta que estava à frente, ele esperou um veículo passar e foi para a contramão, mas não viu que vinha outro veículo. Na tentativa de voltar para a pista, a carreta tombou em cima do veículo, prensando-o na mureta de proteção da via.

O Corpo de Bombeiros da cidade de Carmo foi acionado e disponibilizou todo o seu aparato, fazendo o rescaldo do local incendiado, abastecendo uma de suas unidades móveis em Além Paraíba.

A família morta só foi identificada um dia depois acidente, através do chassi do carro, que estava em nome da mulher do motorista. A polícia teria ligado para parentes da família, pedindo informações, sendo informada que eles teriam ido para Petrópolis fazer a inscrição da filha em uma pós-graduação, e que aproveitariam para fazer um passeio turístico na cidade.

As pessoas envolvidas da tragédia foram o motorista, conhecido por Amarildo Nascimento, a esposa Deidiane Lasnky, as filhas do casal, Tamyres Lansky e Yasmin Lansk, e a irmã da Deidiane, Cleide Lansky. Amarildo era muito conhecido em Cordeiro e região, pois possuiu uma oficina mecânica e já trabalhava há muito tempo nesta atividade.

Depois de fazer o DNA nos corpos carbonizados, o que demorou um pouco, pelas dificuldades do ocorrido, o enterro foi realizado na terça-feira (14), em Cordeiro.

A Prefeitura de Cordeiro emitiu uma nota de condolências: "o prefeito de Cordeiro, Luciano Batatinha, sua vice-prefeita, Maria Helena, o secretariado local, servidores da Administração Municipal e população cordeirense se solidarizam com a família cordeirense vitimada por um trágico acidente ocorrido nesse final de semana, que, infelizmente, ceifou a vida de pessoas de bem, família íntegra e personalidades amadas pelos cordeirenses. Nesse momento de dor e consternação, ficam registrados os sentimentos de solidariedade e o desejo de que Deus, Senhor de todas as coisas, conforte familiares e amigos da família”, diz a nota.





Adicionar Comentario

Acidente com duas motos mata três pessoas em Cantagalo

  • PDF
Uma tragédia que chocou a população de Cantagalo. Uma colisão entre duas motos ocorreu domingo passado, 12 de março, por volta das 15h40min., na RJ-152, em Boa Sorte, quinto distrito do município.

No acidente, faleceram o vereador Ralfy Matias Moreira, de 39 anos, Thayrine Carvalho da Silva, de 23, e Leonardo Vieira Timótheo, de 30 anos. Os três foram levados para o Hospital de Cantagalo. O vereador e Thayrine faleceram a caminho do hospital. Leonardo chegou vivo na unidade, mas não resistiu e morreu instantes depois. No mesmo acidente, Saulo de Carvalho Gomes, de 29 anos, e Tayvan Badega Dirques, de 23, foram socorridos com ferimentos.

O casal Thayrine e Leonardo havia se casado recentemente e residia em Euclidelândia, terceiro distrito de Cantagalo.

Segundo informações da polícia, as motos vinham em sentido contrário, quando bateram numa curva. A moto conduzida por Ralfy Matias estava com mais duas pessoas. Ele teria vindo a Cantagalo buscar jogadores para participar da partida inicial da equipe do Boa Sorte Atlético Clube, que iria começar a participar da Copa Noroeste.

A jovem que estava na outra moto era funcionária da Riedy e, recentemente, havia conquistado o veículo através de sorteio do supermercado Superthal.

A Prefeitura de Cantagalo decretou luto oficial de três dias pelo falecimento do vereador Ralfy Matias, que havia conquistado 845 votos nas eleições de outubro do ano passado, sendo o segundo mais votado para a Câmara Municipal.

Já a Câmara Municipal de Cantagalo emitiu uma nota em nome de todos os vereadores e funcionários manifestando seu profundo pesar e sua solidariedade aos familiares do vereador Ralfy Matias Moreira, assim como aos familiares e amigos de Thayrine Carvalho da Silva e Leonardo Vieira Timótheo.

Os velórios e os sepultamentos foram realizados na segunda-feira (13). Ralfy Matias Moreira teve seu corpo velado por cerca de 1 hora no prédio da Prefeitura. Depois, seguiu para o Ginásio Poliesportivo Pérlio de Oliveira, em Boa Sorte. O sepultamento ocorreu no cemitério local, às 17 horas.

Já o casal Thayrine Carvalho da Silva e Leonardo Vieira Timótheo foi velado na Primeira Igreja Batista de Euclidelândia. O enterro ocorreu às 17 horas, no cemitério local.




Adicionar Comentario

Cantagalo completa 203 anos dia 09 de março

  • PDF
Os primeiros habitantes do território de Cantagalo foram os índios Coroados e Goitacases, que desapareceram da região por volta de 1855. A colonização não indígena do local teve início em meados do século XVIII, em função da chamada “febre do ouro”, que atraiu aventureiros de todos os cantos, entre eles o português Manoel Henriques, conhecido como Mão de Luva. Ele deixou Minas Gerais acompanhado pelo seu bando em busca de vertentes dos córregos afluentes dos rios Macuco, Negro e Grande, com objetivo de conseguir riqueza fácil, através da garimpagem clandestina.

O bando de Mão de Luva localizou o lugar onde hoje está o bairro Triângulo, dando origem à formação de um núcleo que, em 1794, já possuía cerca de 200 moradias, formando uma mistura de aventureiros efetivos do local. Porém, a Coroa Portuguesa mantinha o monopólio de exploração dos garimpos. Por isso, por ordem de dom Luiz de Vasconcelos e Souza, vice-rei do Brasil, diversas diligências foram efetuadas contra o grupo, o que culminou com a captura do renegado português e de seu bando.

A prisão dos aventureiros foi ocasionada por uma situação curiosa, que acabou por dar origem à atual denominação do município. Depois de inúmeras batidas pelo mato, já bastante cansados e desanimados, os agentes se preparavam para voltar, quando ouviram um galo cantar. Penetrando mais fundo na mata, encontraram, dormindo à sombra de uma árvore, um dos companheiros de Mão de Luva. Preso, mas diante da promessa de liberdade e dinheiro, ele denunciou seus companheiros, que foram capturados quase sem oferecer resistência. Mão de Luva foi enviado, em degredo, para a África.





Adicionar Comentario

Hospital Francisco Limongi, em Trajano, elege nova diretoria

  • PDF
A eleição da diretoria executiva da Associação Hospitalar São Francisco de Paula, entidade gestora do Hospital Francisco Limongi, da cidade de Trajano de Moraes, foi realizada em 22 de fevereiro. Participaram 26 dos 35 membros associados da instituição.

A associação hospitalar já administra o único hospital do município de Trajano de Moraes desde o ano de 2011. “A associação teve de enfrentar situações difíceis das mais variadas assim que assumiu o hospital. Médicos não queriam prestar serviços pela fama que o hospital tinha de mau pagador, exames laboratoriais de pacientes eram levados para fora do município, dificultando e atrasando diagnósticos. A equipe, apesar de excelente, era desmotivada por não ser valorizada, dentre outras inúmeras dificuldades já enfrentadas”, afirma o presidente reeleito Riller Soares Diniz.

Riller Diniz conta, ainda, que a associação recebe duas entradas fixas de recursos, quais sejam, a subvenção concedida pelo município e o recurso SUS repassado pela sua prestação de serviços públicos. Esses dois recursos são o que mantêm o hospital de portas abertas, mas é importante frisar que não são suficientes, pois os gastos são muito superiores, o que gera dívidas.

A nova diretoria foi eleita para o mandato que se iniciou no dia 1º de março de 2017 e conta com pessoas da sociedade trajanense, tendo sido eleitas em votação individual os seguintes membros: presidente, Riler Soares Diniz, reeleito para o cargo por unanimidade; vice-presidente, Vanda Marini Lody, eleita por unanimidade; primeira tesoureira, Maria Janes Campos Machado; segundo tesoureiro, Rodrigo Joppert Braz; primeira secretária,  Karina dos Santos Domingues; segunda secretária, Sheyla Barreto Soares Santos, formando, assim, a diretoria executiva, tendo como suplentes quatro membros: Ivone Freire Torres, Samarah de Moura Ferreira, Fernanda Campos Machado Cordeiro e a Elizabeth Coelho Alves.

Na ocasião, também foram eleitos os membros do Conselho Fiscal da associação, para mandato de igual período, que também teve início em 1º de março, sendo eleitos como membros titulares Luciana Félix Fernandes, Celso Bechara Fernandes e Ronaldo Gomes Castro, tendo como suplentes Cristiany Guerra do Nascimento de Castro, Angela Rodrigues Vieira e Ana Maria Monteiro Neves.



Adicionar Comentario

Mapa do Turismo Brasileiro passará por nova atualização

  • PDF
Importante ferramenta de orientação para a atuação do Ministério do Turismo no desenvolvimento de políticas públicas, o Mapa do Turismo Brasileiro está sendo atualizado. 

A iniciativa atende os critérios divulgados na Portaria nº 268, publicada em 2016, que estabelece que a atualização deverá ser feita bienalmente, respeitando o primeiro ano de mandato dos prefeitos municipais e dos governadores estaduais e do Distrito Federal.

A atualização está prevista para ser concluída em julho deste ano. O processo será conduzido pelos gestores locais. Para tanto, os gestores estaduais e novos gestores municipais foram informados sobre prazos e a importância do remapeamento.

– O Mapa do Turismo Brasileiro é um instrumento fundamental para que o Ministério do Turismo trace suas metas e defina suas formas de atuação para assegurar o fortalecimento da atividade no país. Para isso, é fundamental a parceria com os gestores locais que conduzem o processo na ponta – explica o ministro do Turismo, Marx Beltrão.

Entre as regras estabelecidas pelo Ministério do Turismo para que o município seja incluído no mapa estão: possuir órgão responsável pela pasta de turismo, destinar dotação para o turismo na lei orçamentária anual vigente e apresentar o termo de compromisso assinado por prefeito ou dirigente responsável pela pasta de turismo, conforme modelo disponibilizado no sistema, aderindo, de forma espontânea e formal, ao Programa de Regionalização do Turismo e à Região Turística.

Para atender possíveis dúvidas e prestar mais informações sobre o processo, a área técnica da Coordenação Geral de Mapeamento e Gestão Territorial do Turismo estabeleceu dois canais para atendimento dos gestores: o e-mail  Este endereço de e-mail está protegido contra spambots. Você deve habilitar o JavaScript para visualizá-lo.  e os telefones (61) 2023-8144/7269

Adicionar Comentario

Pgina 8 de 390

Área exclusiva - Login

Notícias completas e versão digital exclusivas para assinantes

Informativo JR

Cadastre-se e fique bem informado