Geral

Reunião na Prata discute projetos culturais

  • PDF
O novo secretário de Cultura do município de Carmo, Wesley Muniz, e membros do Conselho Municipal de Cultura, reuniram-se no dia 09 de maio com a Associação de Produtores Rurais de Córrego da Prata (APRUMCOP), com a direção da Escola Municipal Luíza de Araújo Brás, moradores e artesãos do segundo distrito, Córrego da Prata.

 De acordo com o Secretário Wesley Muniz este encontro teve como objetivo a valorização dos produtores rurais e artesãos do município e a organização do segundo encontro “Café, Cachaça e Viola”.



“A valorização da cultura e do turismo local traz benefícios a vários setores do município, cultural, social, econômico e torna-se primordial para que a comunidade perceba como agente contribuinte das transformações exigidas no decorrer da história, sem que seja necessário abrir mão de suas especificidades”, garante Muniz.


Adicionar Comentario

Padre Fábio toma posse em Cantagalo

  • PDF
No dia 07 de maio, a cidade de Cantagalo recebeu a visita do bispo Diocesano Dom Edney Gouvêa Mattoso, para dar posse ao novo pároco do Santuário do Santíssimo Sacramento de Cantagalo, o padre Fábio da Cunha Felipe. 

Nascido em Cachoeiras de Macacu, o padre Fabio Felipe, cresceu até os 12 anos em Cantagalo, sua 1ª Eucaristia foi realizada na Igreja do Santíssimo Sacramento, e agora retorna ao Santuário. O padre Fábio também assume como Vigário Episcopal do Vicariato Norte.
Convidado a realizar um discurso ao final da cerimônia de posse, o prefeito Guga de Paula, deixou os seus cumprimentos ao novo padre, parabenizando e desejando bom êxito ao longo do período em que estiver a frente do Santuário e deixou a disposição o auxilio do Poder Executivo para o que for necessário.

O padre Fábio da Cunha Felippe nasceu no dia 5 de junho de 1970, e filho de Ademir da Cunha Felippe e Vera Lúcia Felippe, ingressou no Seminário Nossa Senhora Rosa Mística em 1995. Recebeu a Ordenação Diaconal em Agosto de 2001, na Paróquia de Nossa Senhora das Graças, em Olaria - Nova Friburgo/RJ. Foi ordenado sacerdote em 5 de janeiro de 2002, no Colégio Nossa Senhora das Mercês, em Nova Friburgo, pelo então Bispo Diocesano, Dom Alano Maria Pena, OP.

Após sua Ordenação Sacerdotal, recebeu o encargo de Reitor do Seminário Diocesano Nossa Senhora Rosa Mística, exercendo esta função até dezembro de 2008. Foi responsável pela Pastoral Vocacional da Diocese de Nova Friburgo e do Regional Leste 1 da CNBB; diretor dos Diáconos Permanentes da Diocese; Capelão do Colégio Nossa Senhora das Dores e da Capela de Santo Antônio, no Suspiro; e, participante de diversos Conselhos Diocesanos. 

Foi nomeado Pároco de Nossa Senhora da Piedade, em Cordeiro, no início de 2009, tomando posse em 5 de janeiro do citado ano. Foi Vigário Episcopal Norte e Coordenador da Comissão Diocesana de Liturgia. Recebeu dos Municípios de Nova Friburgo e Cordeiro os títulos de cidadania, outorgados pelas Câmaras Municipais. Nomeado Pároco de Nossa Senhora das Graças, em Nova Friburgo, no dia 20 de dezembro de 2013, sendo empossado em 20 de janeiro de 2014.



Adicionar Comentario

Indústrias de laticínios continuam com benefícios fiscais

  • PDF
O Fundo Estadual de Equilíbrio Fiscal (FEEF), instituído pela Lei 7.428/16, começou a valer em 26 de agosto de 2016, pelo prazo de dois anos, com o objetivo de promover o equilíbrio das finanças públicas do estado. O mecanismo obriga empresas contribuintes do ICMS, que tenham ou venham a receber isenção fiscal, a depositarem no fundo, mensalmente, o equivalente a 10% aplicados sobre a diferença entre o valor do imposto cheio (20%) e o benefício concedido (que varia de acordo com o setor). Por exemplo: bares e restaurantes pagam 4% de ICMS. Os 10% do FEEF do setor incidem sobre a diferença, de 16% (20 menos quatro). Ou seja: 1,6% somaram-se 4%, um aumento 40% em relação ao que pagavam antes da aprovação do FEEF.

Quando a lei que criou o FEEF foi aprovada, em agosto de 2016, alguns setores foram excluídos: micro e pequenas empresas; polo metal-mecânico de Nova Friburgo, indústrias têxtil e moveleira; fábricas de produtos da cesta básica e de material didático; padarias; atacadistas; microcervejarias. Também ficaram  fora as leis estaduais de incentivo à cultura e ao esporte. 

Consenso dos deputados em retirar os setores de laticínios, hortifrutigranjeiros e agricultura familiar. Também foi excluída a agroindústria artesanal (desde que gerem até 20 empregos e faturamento anual de até 110 mil UFIRs-RJ – aproximadamente 350 mil reais.“Taxar esse setor, que tem uma margem mínima, significa quebrar o interior, quebrar cooperativas de leite como a de Macuco, produzir ainda mais desempregos no estado que já é o campeão de desemprego no Brasil”, argumentou o deputado Wanderson Nogueira (PSOL), um dos autores da emenda que excluiu os lácteos do FEEF.Outros setores, embora sem consenso, foram excluídos após votação que rejeitaram as emendas destacadas: concessionárias de automóveis novos e usados, bares e restaurantes, empresas com faturamento até R$ 100 milhões, Micro empreendedor Individual (MEI) e fabricantes de papel toalha, papel higiênico, guardanapo, fralda e lenço umedecido. 

Os deputados também reconheceram que, além da crise, as regras do Fundo pode ter ajudado a fechar muitas concessionárias de carros no Rio, sobretudo nas cidades que fazem divisa com outros estados, já que ficou mais barato comprar carros em Minas ou São Paulo após a aprovação da FEEF (que aumentou o ICMS sobre carros de 1% para 2,9%).Caberá à secretaria estadual de Fazenda regulamentar o que vai fazer com quem já pagou, até a data da promulgação da exclusão. 

Muitas empresas nada pagaram porque a Fecomércio e a Firjan entraram na Justiça contra o FEEF e obtiveram liminares, que acabaram derrubadas este ano. De fevereiro para cá, o FEEF arrecadou R$ 83 milhões. Para se ter uma ideia, a folha do pagamento do Estado custa mensalmente, R$ 2,3 bilhões ao Estado, incluindo ativos e inativos.


Adicionar Comentario

Nova Friburgo completa 199 anos

  • PDF
No ano de 1818, D. João VI, sentindo a necessidade de uma colonização planejada de nosso país, com a finalidade de promover e expandir a civilização do vasto Reino do Brasil, aprovou o Decreto que autorizou o agente do Cantão de Friburg, na Suíça, a estabelecer uma colônia de 100 famílias suíças na fazenda do Morro Queimado, no Distrito de Cantagalo, localidade de clima e características naturais idênticas às de seu país de origem (Portugal).


Os festejos antecedem os 200 anos, cuja programação já está em andamento e se propõe a celebrar durante todo o ano, e até 2018, este grande marco da história de Nova Friburgo.

Seguindo orientação do prefeito Renato Bravo, a comemoração pelos 199 anos de Nova Friburgo não ficará restrita apenas a atrações culturais e musi cais. Serão inúmeras atividades propostas em alusão à data, envolvendo praticamente todas as secretarias do Executivo municipal. 

No dia 22 de maio a escola Ceffa Rei Alberto I terá exposição de maquetes, mostra de trabalhos da Arte Gótica e Românica, exposição de desenhos de alunos, dinâmica com atividades corporais, apresentação de paródias, danças de rua e Mineiro Pau e oficinas com artista plástico Francisco do Couto, tudo com o tema “200 anos de Nova Friburgo”.
Já no dia 23 de maio, será realizada no Teatro Municipal a culminância das atividades programadas para a semana da Enfermagem. No mesmo dia alunos da Escola Municipal Adezir de Almeida participarão de atividades no Planetário de Nova Friburgo. No dia 24 de maio, também no Teatro Municipal, haverá apresentação da peça “De Fribourg a Nova Friburgo”, com alunos do 4º ano da Escola Municipal Vale de Luz.

No dia 28 de maio, um dos últimos dias da série de ações promovidas pela Secretaria Municipal de Educação, haverá uma feijoada beneficente da Educação de Jovens e Adultos (EJA) para a confecção de um livro produzido pelos próprios alunos. 
Já no dia 31 de maio, na penúltima ação do projeto, o prefeito Renato Bravo oferecerá um café a alunos da educação infantil. Os jovens passarão a tarde com o chefe do Executivo municipal para conhecer a rotina da Prefeitura, participando de momentos lúdicos, levando dúvidas e sugestões ao mandatário do município. 

Adicionar Comentario

Atrações musicais animam o aniversário de Trajano de Moraes

  • PDF

A cidade de Trajano de Moraes, na Região Serrana, completou 126 anos. E para comemorar a data, a prefeitura organizou uma grande festa na Praça Nilo Peçanha. O espaço ficou lotado por moradores e visitantes que foram até o Centro participar das atividades e curtir as atrações.

As comemorações começaram desde as primeiras horas do dia 25 de abril, com cerimônia solene em frente à porta da prefeitura e desfile cívico pelas principais ruas do centro do município, seguindo com a abertura da Exposição Beleza Negra do artista plástico Marlon Muk, e a inauguração da Escola de Música Zélia Fajardo, além do Viradão Cultural. A programação reafirmou o compromisso da nova gestão com o desenvolvimento econômico, e melhor qualidade de vida aos moradores e turistas.

Várias atrações animaram o palco principal durante os dias de festa. “Trabalhamos em cima do conceito de tornar Trajano de Moraes uma cidade mais vibrante, ativando de forma profissional todos os espaços públicos necessários para o bem estar da população. Isso movimenta e fortalece a economia da cidade com a geração de empregos diretos e indiretos, e sinaliza a cena cultural de Trajano que em minha opinião, estava esquecida”, observou o prefeito Rodrigo Viana.

A dupla sertaneja Bruno e Barreto levaram a cidade milhares de pessoas na noite de sexta-feira (5). “Essa foi com certeza uma das atrações mais esperadas pelo povo de Trajano e visitante. Observei isso quando com minha família assisti ao show junto do povo, ou seja, no chão. Até brinquei nas redes sociais, dizendo que o meu camarote foi no meio de todos, e realmente foi. Estou muito satisfeito pelo resultado”, disse o prefeito.

O locutor Rafael Poubel e Renato Bueno foram os responsáveis em anunciar as atrações. “Obrigado pela oportunidade a qual nos foi dada na festa de 126 anos de Trajano de Moraes”, agradeceu o locutor Bueno em seu perfil na rede social Facebook, mostrando estar satisfeito com o resultado positivo do evento. Quem também subiu ao palco durante os dias de festa foi o grupo gospel Ministério Sarando a Terra Ferida, Laura Lima, Glauco Zulo, Deivison Gatti e a dupla Júnior e Gustavo.

Já o grupo de pagode Revelação esquentou a noite fria de sábado (6). Sucessos como “Tá Escrito”, “Fala Baixinho” e “Deixa Acontecer”, embalaram os amantes do ritmo. “Pensamos em tudo para que o público pudesse ter um momento agradável. Além das atrações musicais, o Concurso Garota Trajano 2017, também abrilhantou os 126 anos da cidade”, lembrou o prefeito.

E para manter todo o espaço da Praça Nilo Peçanha limpo, a secretaria municipal de Serviços Públicos contou com o exército da limpeza. “Usamos caminhão, retroescavadeira, além de pessoal de apoio, tudo para que o local ficasse com acesso fácil aos moradores e turistas após o término de cada noite de show. Sou grato e deixo o meu muito obrigado a cada profissional engajado a equipe de limpeza”, destacou.

Rodrigo lembrou ainda o apoio que recebeu da Polícia Militar, além do esforço sem medida dos profissionais da secretaria municipal de Saúde, Hospital Francisco Limongi, Guarda Municipal e Defesa Civil, secretaria de Serviços Públicos, além dos profissionais do setor administrativo, Secretários e também da rádio local Antena Jovem FM.



Adicionar Comentario

Capacitação de futuros técnicos de Turismo

  • PDF

O Colégio Anchieta e o Centro Federal Tecnológico (CEFET) deram o primeiro e significativo passo para uma frutífera parceria em prol da Cultura e Turismo em Nova Friburgo. Quinze alunos de Turismo no CEFET participaram das aulas de uma disciplina eletiva – chamada Memória Anchieta, com aprendizado in loco no Colégio Anchieta, ministrado pela professora Jane Ayrão. Como complemento, os alunos farão um estágio no Colégio Anchieta, a fim de que o colégio possa receber visitantes nas manhãs de sábado. O modelo ainda será testado, mas a perspectiva é de abertura ao público e turistas.

 

Essa é uma ideia antiga do diretor geral, prade Toninho Monnerat, desde que ele montou o “Corredor Histórico”, com seis salas recuperadas e preparadas para visitação: a Biblioteca da Filosofia, o Quarto do padre Luiz Yabar, a Capela Mater Pietatis, a Sala Nobre de Reuniões, a Sala de Música e a Sala de Aula Retrô. Além destes ambientes, há o Teatro (que já tem projeto de reforma e busca parceiros para realizá-la), a tradicional Capela, e o Jardim Interno, que já foi recuperado. A imagem central do Jardim, de Nossa Senhora da Conceição, já se encontra em processo de restauração. E diversas imagens e quadros importantes do Colégio Anchieta vêm sendo restaurados com a supervisão da coordenadora de Artes, Gláucia Bezerra.

 

A entrega de certificados do curso “Memória Anchieta” ocorreu na manhã desta segunda, 8 de maio. Participaram da solenidade: o diretor acadêmico do Anchieta, Prof. Ricardo Ribeiro; o diretor administrativo, Carlos Eduardo Cortez; o secretário municipal de Turismo, Wilton Neves; o secretário de Cultura, Marcos Marins; a subsecretária de Turismo, Natália Peixoto; e os professores do CEFET, Edvar Batista e André Melo; além da primeira-dama, Cristina Bravo. A dupla Ana Regina Pereira e Roberto Wagner cantou o hino de Nova Friburgo e mais algumas músicas, durante o momento cívico.




Adicionar Comentario

Profissional de assistência social tem trabalho destacado

  • PDF
O dia 15 de maio marca o Dia do Assistente Social. É dia de homenagear um profissional que luta cotidianamente para que todos tenham acesso aos seus direitos, para que a população tenha acesso às políticas sociais. É dia de homenagear o profissional que luta por um projeto de sociedade baseado na liberdade, na efetiva democracia e na igualdade de direitos iguais para todos.

Um exemplo de profissional da área é o assistente social Dirceu Vila Nova Pinto. Nascido e criado no distrito de Euclidelândia, Cantagalo, pai de três filhas, estudou até o 9º do ensino Fundamental no Colégio Estadual Conde de Nova Friburgo e fez seu ensino médio em Formação de Professores no Colégio Estadual Maria Zulmira Torres, retornando ao colégio Estadual Conde de Nova Friburgo onde fez técnico em Contabilidade.

Começou sua vida profissional desde muito novo, atuando como secretário do vereador Adir Torres, na Câmara Municipal de Cantagalo, depois trabalhou como Segurança na Fábrica de Cimento Votorantim; Trabalhou na Almek Center como vendedor, e como guarda municipal do Município de Macuco, até o dia em que veio a candidato a uma vaga para o Conselho Tutelar de Cantagalo, quando foi eleito por dois mandatos. E foi apartir daí que entrou na faculdade de Serviço Social e se despontou na profissão, começado a atuar no CRAS do Bairro São José em Cantagalo, no Bairro BNH em Cantagalo no Acolhimento Municipal em Cantagalo e retorna ao Conselho Tutelar como Assistente Social. Dirceu foi presidente do Fundeb de Cantagalo, por um período onde pode adquirir muitas experiências.

Assim que terminou sua faculdade de Serviço Social ingressou na pós–graduação em: Mba Saúde Pública e em Geriatria e Gerontologia pela Universidade Veiga de Almeida. Fez outra Pós-graduação em Psicopedagogia. Ele está no início de um Mestrado em Políticas Sociais para melhor desempenhar sua profissão como Assistente Social. E fez outros cursos para se especializar como, curso em Terapia Comunitária Integrativa para exercer atividades em grupos; Formação e qualificação para Educador Social; Estrutura de Gestão Pública; Controle exercido por Conselhos de Assistência Social; Capacitação de Projetos, Laudos e Pareceres Sociais; e Serviço de Acolhimento Institucional e Familiar.

Hoje exerce sua função, concursado, como Assistente Social no Município de Macuco onde trabalha no CRAS do Centro e Trabalha com o grupo de pessoas idosas “ Flor de Ipê”, na Secretaria de Trabalho Envelhecimento Saudável e Juventude. É o primeiro presidente do Conselho Municipal da Pessoa Idosa de Macuco. Atua com o Grupo Flor de Ipê há seis anos e tem um grande vínculo com esse grupo, e criaram uma história juntos com viagens a diversas cidades e festas, com várias apresentações teatrais e danças e inúmeras palestras. Com o Grupo Flor de Ipê ele faz um trabalho de socialização e de empoderamento, no qual recebe muito amor e amizade e consegue ver os frutos desse trabalho na melhoria de vida das pessoas idosas que participam com ele.

No Município de Cordeiro já atuou como assistente social dos bairros Retiro Poético, Rodolfo, Centro e Manancial, já coordenou o CREAS e a unidade de Acolhimento. Executou o Projeto Viva Paz patrocinado pela Petrobrás, onde atuou na Escola Municipal Zuleika Júdice de Mattos Rodrigues e Rita Cabral Pinto e esteve na equipe de organização da primeira Caminhada pela Paz do Município de Cordeiro.

Representou o município de Cordeiro na apresentação ao Grupo da Petrobrás na cidade de Barra Mansa pelo projeto do  Viva Paz. E representou o município de Cordeiro na Cidade de Salvador no Terceiro Seminário Nacional de Acolhimento Institucional e Familiar, o qual já havia feito cursos preparatórios na cidade do Rio de Janeiro.


Adicionar Comentario

Izabella Ernandes é eleita Garota Duas Barras 2017

  • PDF

O concurso Garota Duas Barras 2017 foi realizada neste final de semana, durante os festejos de aniversário do município. Sete candidatas disputaram o certame de beleza.

A primeira colocada no concurso foi a jovem Izabella Ernandes. A segunda colocada foi Maria Vitória Paes; e a terceira colocada foi Carla Marins. A organização foi da Secretaria de Turismo e Cultura e quem assinou a beleza do desfile foi Francine Castro e Thaise Carvalho.

Adicionar Comentario

Pgina 2 de 390

Área exclusiva - Login

Notícias completas e versão digital exclusivas para assinantes

Informativo JR

Cadastre-se e fique bem informado