Secretaria de Meio Ambiente de Trajano devolve Macaco a natureza

  • PDF

 Uma história um tanto inusitada aconteceu em Trajano de Moraes, cidade na Região Serrana do Rio. Agentes da Secretaria Municipal de Meio Ambiente foram acionados após encontrar um macaquinho caído à beira da RJ-174 na localidade de Lagoinha – estrada de acesso à cidade de Nova Friburgo. O empresário Larin Aguiar, vinha do município de Macuco sentido Trajano de Moraes, quando avistou o animal caído à margem da rodovia próximo a um local de queimada.

 

Segundo ele, o Macaco não esboçou nenhum medo ou agressão. “Assim que um caminhão passou, abri a porta de carona, do meu carro, peguei o macaquinho pelo cangote e coloquei-o dentro do carro. Achei que ele fosse ficar arisco, mas ele não esboçou nenhuma reação. Ele ficou quietinho e deitado no assoalho do veículo me olhando. Teve uma hora que até se escondeu, mas logo apareceu”, disse.

 

Logo após capturar o animal, o empresário seguiu sentido a Trajano de Moraes. “Assim que deu sinal de área no celular liguei para um amigo que me orientou procurar a Secretaria Municipal de Meio Ambiente. Assim eu fiz, e deu tudo certo. O problema foi na hora de tirar o macaquinho de dentro do carro. Ele ficou agitado e chegou a arranhar um dos agentes de Meio Ambiente”, relatou.

 

O sagui é o macaco de menor porte existente na Natureza, e é denominado mico. Ele tem o rabo comprido, sua cabeça é extensa e ampla, as unhas apresentam o formato de garras, embora o polegar tenha uma configuração distinta e não se separe dos demais.  Este animal é portador de 32 dentes: oito incisivos, quatro caninos, doze pré-molares e oito molares.

 

O secretário interino de Meio Ambiente David Campos foi até o carro do empresário, com a equipe de Guardas Ambientais e Defesa Civil, para resgatar o animar e leva-lo para consulta na Vigilância Sanitária do município. Segundo o veterinário Saulo Pacheco o animal não apresentou problemas ao ser examinado, e por isso foi solto novamente em uma área de floresta próximo ao seu habitat natural.  

 

Como a maioria dos animais silvestres, os saguis têm temperamento forte e facilmente se tornam agressivos quando se sentem ameaçados ou passam por situações de estresse. Pertencente à família Callithricidae, o sagui mede aproximadamente 25 centímetros, sem incluir a cauda de tamanho longo. “O sagui é um animal onívoro que necessita bastante de proteína e cálcio, sobretudo quando jovem”, explicou o agente do Meio Ambiente Willian Castellani. 







Adicione essa página em sua rede social
Artigos Relacionados:

blog comments powered by Disqus

Área exclusiva - Login

Notícias completas e versão digital exclusivas para assinantes

Informativo JR

Cadastre-se e fique bem informado