Alunos do Ciep de Cantagalo vencem concurso de paródia sobre Martinho da Vila

  • PDF

O estudo da obra do cantor e compositor Martinho da Vila faz parte do Projeto de Leitura Escolar. A iniciativa será composta por quatro modalidades. A primeira será o Concurso de Paródias “Canta, canta minha escola!”, no qual os alunos elaborarão paródias com as canções do artista e que contenham informações relacionadas a ele e destaquem a importância da leitura no cotidiano. Também será desenvolvido o Concurso de Poesia “Improvisamba”, onde os participantes promoverão batalhas de poesias “improvisadas”, tendo como tema a produção cultural e atuação do artista em questões socioculturais.

A proposta também inclui o Concurso de Redação “Martinho da Vila: quizombas, andanças e festanças”. Nesta modalidade deverão ser elaborados trabalhos que abordem a atuação e relevância do cantor, considerando sua trajetória e produção cultural. A quarta modalidade será o Concurso de Desenho e Pintura “Fantasias, crenças e crendices”, onde os participantes utilizarão este livro escrito pelo cantor como base para criação de pinturas que dialoguem com a busca do respeito e da tolerância religiosa, temas abordados nesta obra literária. 

“A trajetória de Martinho da Vila será estudada pelos alunos da rede pública como atividade especial. Ao longo do ano está programado um grande show no Theatro Municipal do Rio com a presença dos estudantes. O cantor é um dos mais tradicionais sambistas atuando no país, uma lenda viva do samba e que merece ser estudado como elemento importante na formação da nossa cultura, já que sua obra é de uma riqueza fantástica e presente no nosso cotidiano”,  informou o secretário de Estado de Educação, Wagner Victer. 

O trabalho vencedor na modalidade Paródia “Canta, canta minha escola” - Regional Serrana II foi do CIEP Brizolão 277- João Nicoláo Filho “Janjão”, de Cantagalo, com os estudantes: Daniel Teixeira Bernado, Lucas Cardoso de Oliveira, Tainá Vieira Ignácio, Silvianny Pimenta da Silva Costa, Robson de Paula dos Santos e Elizeu de Souza Silva, da Turma 1001.

Durante o evento, Martinho da Vila, ex-aluno da rede estadual de ensino, surpreendeu os estudantes e deu uma “canja” cantando com a garotada. No final do evento, os alunos começaram a tocar e Martinho deu um show inesperado e inesquecível para a garotada.





Adicione essa página em sua rede social
Artigos Relacionados:

blog comments powered by Disqus

Área exclusiva - Login

Notícias completas e versão digital exclusivas para assinantes

Informativo JR

Cadastre-se e fique bem informado